Ex-sócio não é responsável por obrigação contraída após sua saída da empresa