AUTOMOTIVO E TRANSPORTE

No Brasil, o principal sistema logístico é o de transporte rodoviário, sendo esta uma atividade essencial ao desenvolvimento econômico do país.

Embora exercida pela iniciativa privada, esse setor suporta intensa regulamentação pública, o que impõe uma série de regras para todos os agentes da atividade.

Os empresários que atuam no fornecimento dos produtos automobilísticos enfrentam situações peculiares na relação jurídica com as montadoras e importadoras de veículos. A relação comercial é marcada por um equilíbrio muito sensível entre os interesses do vendedor (concessionária/revenda) e seu fornecedor único (concedente/fabricante/importador). Tamanha é a especialidade dessa situação que conta com legislação própria para regulamentá-la. Porém, não são raras as divergências entre os players, o que exige máximas competências comerciais e técnicas, por parte dos respectivos intermediadores, para melhor solução do conflito.

Nesse sentido, o diferencial dos nossos profissionais é o profundo conhecimento sobre as particularidades dos contratos de concessão automotiva e sobre a dinâmica entre concedente e concessionária.

Na outra ponta desse sistema, estão os empresários transportadores. As questões por eles enfrentadas também são permeadas de particularidades. A regulamentação pública é severa, aliada aos desafios de exercer sua atividade em malha viária precária e insegura. Nesse aspecto, o amplo conhecimento do negócio e da legislação aplicável é essencial para oferecer o suporte de excelência aos transportadores. O atendimento jurídico nesse setor deve ser abrangente, não só solucionando eventuais conflitos já instaurados, mas oferecendo orientação preventiva na formação dos contratos comerciais, formalização de seguros, aspectos tributários e tudo o mais necessário para o bom desenvolvimento do negócio. O atendimento oferecido pela nossa banca é amparado pela experiência acumulada em mais de 15 anos na defesa dos interesses desses empresários.